Em 10 anos, esta é a oitava vez que a francesa Renault escolhe Portugal para a apresentação dos seus automóveis. Desta vez é a quarta geração do Mégane a receber as honras.

Até ao próximo dia 22 de dezembro, mais de 600 jornalistas e responsáveis de filiais da Renault, provenientes de 35 países, vão poder ensaiar a quarta geração do modelo Mégane pelos concelhos de Cascais, Lisboa e Torres Vedras.

Porquê Portugal?

Se por um lado o mercado nacional é um caso ímpar de sucesso para a marca – há 17 anos consecutivos que lidera a tabela de vendas no país – por outro, só na última década, Portugal foi escolhido para oito apresentações internacionais: Clio III R.S.; Twingo R.S.; Laguna Coupé; Laguna III nova Geração e Latitude; Clio III nova Geração; Fluence Z.E. + Kangoo Z.E.; ZOE e, agora, o novo Renault Mégane.

Renault escolhe Portugal pela 8ª vez

A importância do mercado para a marca, as condições atmosféricas, a excelência da hotelaria e a rede viária, foram determinantes para que a Renault voltasse a escolher Portugal para palco de uma apresentação e, logo de um modelo tão importante, como o novo Renault Mégane.

O que há de novo nesta geração do Mégane?

A quarta geração do Renault Mégane distingue-se pelas linhas modernas, dinâmicas, mas também distintas. No interior foi reforçada a qualidade dos acabamentos e dos materiais, bem como os equipamentos tecnológicos. Também o sistema 4Control (quatro rodas direcionais) estreia-se no segmento e a gama de motores promete responder às necessidades e aos desejos de todos os clientes.

A sua comercialização está prevista para janeiro de 2016.

Anúncios